Home / Empresas / Empreendedorismo / Candidaturas aos Prémios Empreendedor XXI
Prémios Empreendedor XXI

Candidaturas aos Prémios Empreendedor XXI

Um total de 300 start-ups de Portugal candidataram-se, este ano, aos Prémios Empreendedor XXI, uma iniciativa organizada pelo BPI e pelo dayone, divisão do CaixaBank especializada para empresas tecnológicas inovadoras e respetivos investidores.

A iniciativa despertou elevado interesse entre as empresas portuguesas, que duplicaram o número de candidaturas face a 2018 (149). Por setores, 18,6% do total de participantes portugueses são empresas do setor Commerce Tech, seguidas pelas do setor Tourism Tech (15,9%), Agro Tech (15,3%), Health Tech (11%), Impact Tech (8%), e Fin&Insur Tech (7,6%), com as restantes a atuarem nas mais diversas áreas.

As empresas vencedoras dos 2 prémios territoriais em Portugal serão conhecidas nos dias 3 (Lisboa, Sul e Ilhas) e 4 de abril (Norte e Centro) e receberão a distinção no âmbito de um Innovation Summit dedicado à inovação, tecnologia e empreendedorismo. Este evento pretende reunir os principais players do ecossistema empreendedor, tecnológico e investidor em Portugal.

Os prémios setoriais serão atribuídos a 14 de maio, em Madrid, durante o dayone Innovation Summit. A estes prémios concorrem empresas portuguesas e espanholas em cada um dos 6 setores destacados.

Os Prémios Empreendedor XXI decorrem em paralelo, no caso das categorias territoriais, e em conjunto, nas categorias setoriais, em Portugal e em Espanha. No total, candidataram-se 961 empresas inovadoras, o que representa um crescimento de 36,3% face à edição anterior.

Prémios monetários e acesso a formação internacional

Nesta edição serão atribuídos dois prémios em Portugal: um no território Norte e Centro e outro no território Lisboa, Sul e Ilhas. Os vencedores receberão 5 mil euros.

Além disso, no dia 14 de maio será atribuído um prémio às melhores empresas de cada setor, selecionadas entre todas as candidaturas recebidas em Portugal e Espanha. Foram definidos seis setores, em função das novas tendências em inovação e das áreas de negócio do BPI e do CaixaBank: Agro Tech, Health Tech, Commerce Tech, Fin&Insur Tech, Impact Tech e Tourism Tech. Os vencedores de cada um dos setores recebem um prémio no montante de 25 mil euros.

Todos os vencedores (territoriais e setoriais), bem como alguns dos finalistas, terão também acesso a formação internacional, podendo frequentar um programa de acompanhamento em Silicon Valley, organizado pela Esade em colaboração com a Singularity University, ou um curso internacional de crescimento empresarial, Ignite Fast Track, da Universidade de Cambridge (Reino Unido).

No total, a edição de 2018 distribuirá cerca de 525 mil euros em prémios, tornando-se numa das iniciativas para empreendedores com maior relevância económica em Portugal e Espanha.