Home / MERCADO / Economia / Empresas de trabalho temporário crescem 6% em 2018
trabalho temporário contratos temporários contratos a prazo contratar trabalho temporário pme magazine emprego em Portugal
Foto de arquivo

Empresas de trabalho temporário crescem 6% em 2018

A faturação das empresas portuguesas de trabalho temporário cresceu 6,1% em 2018, para um total de 1.350 milhões de euros.

Segundo dados do estudo Setores “Trabalho Temporário”, da Informa D&B, havia em 2018 220 empresas autorizadas a operar no setor do trabalho temporário em Portugal.

“A zona de Lisboa, a qual alberga um total de 106 empresas, e a zona Norte, com 74 operadores, são as que contam com o maior número de empresas”, refere a consultora.

Já o número de trabalhadores destas empresas era de 99.823 em 2017, mais 8,3% face ao ano anterior.

“A oferta setorial está caracterizada por um alto grau de concentração, na medida em que as cinco principais empresas, em termos de faturação, alcançaram em 2017 uma quota de mercado conjunta de 40%”, acrescenta a Informa D&B.

Para 2019 e 2020, as previsões “apontam para um prolongamento da tendência crescente do número de trabalhadores e do volume de negócio, embora com um ritmo mais baixo do que nos anos anteriores”.