Home / Empresas / VAKT quer recrutar 60 profissionais de tecnologia
VAKT

VAKT quer recrutar 60 profissionais de tecnologia

A VAKT, plataforma de commodities post-trade baseada na tecnologia blockchain, anunciou hoje a entrada em Portugal com a criação de um centro de desenvolvimento tecnológico procurando a contratação de 60 profissionais de tecnologia.

O novo centro de competências em Portugal, que deverá estar totalmente operacional até ao final do terceiro trimestre, contará com equipas multidisciplinares de gestão de projeto, analistas de negócio, developers, insfraestrutura e equipa de suporte.

Financiada e apoiada por alguns dos principais grupos mundiais petrolíferos, da área de trading e da banca, tais como a BP, Shell, ING, ABN Amro e Equinor, a VAKT é uma empresa de tecnologia com sede no Reino Unido que pretende eliminar processos longos de reconciliação e baseados em papel em transações na área das commodities.

Lançada no ano passado, a VAKT encontra-se no processo de transição da equipa de desenvolvimento, que atualmente é feita através de parceiros, para a realização de todas as atividades de desenvolvimento in house. Parte dessas capacidades de desenvolvimento estarão alocadas ao novo centro de competências em Portugal, para o qual a empresa está a contratar ativamente.

A decisão de criar em Portugal o nosso centro de competências teve como base critérios relevantes como o recrutamento e atração de talento, o ambiente educacional e de inovação, e o mindset do país para o empreendedorismo. Portugal é um país com startups de sucesso que são hoje empresas globais, e acreditamos que fizémos a escolha certa ao vir para junto do talento, inovação e empreendedorismo português’, explica Etienne Amic, CEO da VAKT.

A VAKT anunciou recentemente a entrada de Etienne Amic para o cargo de CEO, antigo Managing Director da JPMorgan e da Mercuria Energy Trading SA. A experiência do CEO no mercado de commodities será fundamental para o desenvolvimento futuro da VAKT.